Connect with us

Começa hoje a greve geral na Argentina, contra as medidas liberais de Javier Milei

Começa hoje a greve geral na Argentina, contra as medidas liberais de Javier Milei

O ato de greve foi convocado pela maior central sindical da Argentina e tem como objetivo protestar contra medidas liberais do atual presidente, Javier Milei.
Milei enfrenta primeira paralisação geral na Argentina nesta quarta-feira;  Gol e Latam cancelaram voos | Mundo | G1
Manuel Adorni, porta-voz presidencial disse que a manifestação resulta em prejuízo financeiro para “muitíssimos argentinos”. Nas ruas os manifestantes buscam caminhar até o Congresso Nacional, em Buenos Aires, porém a polícia fez bloqueios para impedir a chegada dos grevistas.

O lema da greve é “o país não está a venda”, e a segunda maior central sindical do país, A Confederação de Trabalhadores Argentinos (CTA), também aderiu a grave, assim como setores do peronismo.

Bancos não estão funcionando, trabalhadores do setor dos transportes aéreos, também estão parados, obrigando diversos voos a serem cancelados. Além disso muitos caminhoneiros aderiram o movimento, o que pode causar uma crise de abastecimento no país.

O porta-voz do governo de Milei, Manuel Adorni, pediu aos manifestantes que não impedisse os trabalhadores que quisessem continuar trabalhando: “Quem quiser trabalhar deveria poder trabalhar, e quem quiser parar, pode parar, mas sem atrapalhar a vida dos outros”, afirmou ele.

O governo argentino declarou que descontaria os salários dos servidores públicos que entrassem em greve, porém na província de Buenos Aires, que é governada por Axl Kicillof, político de esquerda, os trabalhadores do Estado que pararem não terão desconto.

É valido destacar que apesar do cenário político polarizado, as manifestações têm sido em maioria pacífica, sem grandes registros de violência, tanto por parte dos grevistas, quanto das autoridades policiais.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Mundo

Title

To Top